Homem esfrega órgão genital em jovem de 20 anos dentro de ônibus em Belo Horizonte

50

Uma jovem de 20 anos foi abusada sexualmente na manhã de quarta-feira (5) quando estava dentro de um ônibus MOVE. Ela pegou o coletivo em uma estação na avenida Brasília, em Santa Luzia, na região metropolitana de Belo Horizonte, e foi importunada por um homem que parou ao seu lado.

Segundo a vítima relatou às autoridades, ela sentou-se no coletivo e estava distraída com o telefone celular quando percebeu a presença do autor ao lado dela. Ele estava se masturbando. Chocada, a jovem se levantou para mudar de lugar, mas foi novamente importunada sexualmente.

O homem esfregou o órgão genital na vítima. Ela relatou aos policiais que ficou em choque e não conseguiu gritar nem mesmo pedir ajuda para algum passageiro.

O autor, segundo a própria, era um homem alto, negro, magro, usava blusa vermelha e um boné pra trás, além de estar com um fone de ouvido vermelho e aparentar ter cerca de 40 anos.

Crime sexual

O crime de importunação sexual se tornou lei em 2018 e é caracterizado pela realização de ato libidinoso na presença de alguém e sem sua anuência. O caso mais comum é o assédio sofrido por mulheres em meios de transporte coletivo, como ônibus e metrô. Antes, isso era considerado apenas uma contravenção penal, com pena de multa. Agora, quem praticá-lo poderá pegar de 1 a 5 anos de prisão.

Já o crime de estupro é previsto no art. 213, e consiste em “constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, a ter conjunção carnal ou a praticar ou permitir que com ele se pratique outro ato libidinoso”. Mesmo que não exista a conjunção carnal, o criminoso pode ser condenado a uma pena de reclusão de 6 a 10 anos.

Fonte: BHZA

 

Facebook Comments