Cruzeiro tem que pagar dívida de R$ 60 milhões com a FIFA para não cair para série C

245

Saulo Fróes, presidente do time do Cruzeiro, revelou em entrevista à Rádio Itatiaia, que o clube está altamente endividado e pode pode ser rebaixado para série do Brasileirão, caso não quite uma das dívidas.

A maior dívida segundo o presidente, é referente a cobrança de credores que emprestaram valores ao clube, que não foram pagos. Esses credores entraram com ações junto à FIFA (Federação Internacional de Futebol) com sede na Suíça, e acabaram ganhando.

Agora o Cruzeiro tem até o dia 01 de abril de 2020 para quitar R$ 60 milhões com FIFA, para não ser rebaixado para a série C. O clube já foi rebaixado ano passado, ao ficar entre os quatro piores do Campeonato Brasileiro.

DÍVIDAS

O clube também amarga dívidas com bancos e uma dezenas de dívidas tributárias. Segundo o presidente do clube, essa situação complica ainda mais o time.

“Com o bancos já conseguimos negociar uma parte, mas as altas dívidas tributárias, temos que conversar com o governo para chegarmos a uma saída”, finalizou Saulo Fróes.

E o presidente salientou que está ensejando uma estratégia que não pode divulgar ainda, mas que está buscando soluções viáveis para tirar o clube da situação.

Fonte: Nacional Notícias

Facebook Comments